dicas para
criar um blog

Passo a passo completo para escolher a melhor plataforma (grátis ou paga), comprar seu domínio, dicas de hospedagem e como deixar seu blog a sua cara!

Criar um blog é mais fácil do que você imagina. Seguindo as dicas dessa página, em algumas horas você consegue colocar o seu site no ar. E o melhor: por conta própria.

Agora que você já escolheu seu nicho, é hora de partir para a ação e começar a criar seu blog.

Existem inúmeras formas de realizar esse passo, desde contratar uma empresa ou um profissional freelancer, até fazer tudo por conta própria seguindo tutoriais na internet. Como você pode imaginar, aqui eu vou te ensinar como você pode colocar o seu site no ar com apenas alguns cliques e sabendo praticamente nada de programação.

Para isso, você precisa seguir quatro passos super simples:

1. ESCOLHA A PLATAFORMA IDEAL

2. ADQUIRA O SEU DOMÍNIO

3. ESCOLHA SUA HOSPEDAGEM (OPCIONAL)

4. CRIE SEU BLOG

Vamos explorar cada uma delas nessa página e em outros posts aqui no Blogueira Inteligente.

1º PASSO: Escolha a plataforma ideal

As duas plataformas que eu recomendo são o WordPress.org e o Blogger.

Criar um blog sabendo praticamente nada de programação ou internet parece impossível… e até pouco tempo atrás, era. Antigamente, quando alguém queria ter qualquer tipo de site na internet, era preciso criar o código para todas as páginas, e apenas as pessoas mais experientes e versadas no assunto conseguiam fazer isso. 

No entanto, com uma quantidade enorme de pessoas e empresas querendo ter uma presença online, foram criadas as plataformas para sites, que fornecem uma base onde qualquer um, mesmo quem não entende tanto de tecnologia, pode criar seu próprio site ou blog. Isso inclui você.

Entre as dicas para criar um blog, escolher a plataforma ideal é uma das mais importantes. Atualmente existem vários serviços prometendo que você vai conseguir “criar seus sites em poucos minutos“, como Wix ou Squarespace, mas nem sempre eles cumprem o que prometem, ou são cheios de limitações. Depois de anos de experiência eu recomendo que você use o WordPress.org ou o Blogger. Existem inúmeras diferenças entre elas, mas as mais importantes são as seguintes: 

O WordPress.org é a plataforma mais utilizada no mundo, e considerada como o padrão profissional por muitos que trabalham na área de criação de sites. Desenvolvedores do mundo inteiro podem criar extensões para o WordPress, por isso ao procurar tutoriais para resolver algum problema, você provavelmente vai encontrar alguém sugerindo um plugin para isso, com o qual em poucos cliques você vai conseguir alcançar o resultado desejado. A grande desvantagem é o que o WordPress.org, apesar de ser grátis, precisa de uma hospedagem e um domínio para funcionar, e ambos os serviços são pagos.

Já o Blogger, como o próprio nome indica, é uma plataforma mais voltada para blogs. Foi uma das pioneiras nesse quesito e, apesar de antigamente ser vista como muito simples ou pouco profissional, hoje em dia já existem layouts clean e bonitos disponíveis para a plataforma, então no quesito aparência seu blog não perde em nada caso você a escolha. A grande diferença é que o Blogger é uma plataforma fechada, ou seja não possui plugins, e é possível que você precise alterar alguns códigos para deixar tudo do jeito que você espera. Não precisa se preocupar, no entanto, já que existem inúmeros tutoriais online (inclusive aqui no blog), já que a plataforma é muito popular por ser completamente gratuita.

Caso ainda não saiba qual delas escolher, aqui no blog tem um post que pode te ajudar:

2º PASSO: adquira o seu domínio

O domínio é o endereço do seu blog. Ele é único, e diz para o navegador qual site o usuário está tentando acessar.

Eu sei… plataforma até parecia algo fácil de entender, mas domínio já parece um pouco mais complicado. Mas não fica preocupada, que depois que eu explicar você vai ver como é algo bem simples!

O domínio é o endereço do seu blog. É aquilo que os seus leitores vão digitar na barra do navegador quando quiserem acessar seu site. O meu domínio, por exemplo, é blogueirainteligente.com.br, e qualquer pessoa que digitar esse endereço no Chrome, por exemplo, vai conseguir acessar o meu site. 

Como você pode imaginar, um domínio precisa ser único, já que se existirem dois domínios iguais o navegador não vai saber qual site o leitor realmente quer acessar. Isso quer dizer que se outra pessoa já tiver comprado o domínio com o nome do seu blog, você vai precisar escolher outra extensão (apenas .com em vez de .com.br, por exemplo), usar hífens ou, na pior das hipóteses, mudar o nome do seu blog.

Ter o seu próprio domínio passa mais credibilidade, e mostra que você está levando seu blog a sério. Infelizmente, ter um domínio também requer um investimento da sua parte: atualmente comprar um nome .com.br está custando em média R$40 por ano (mas se comprar junto com um plano de hospedagem, por exemplo, você pode conseguir até mesmo de graça).

Aqui no blog tem um post explicando melhor sobre como funcionam domínios e onde você pode comprar o seu:

COMO COMPRAR UM DOMÍNIO PARA BLOG: MELHORES SITES E DICAS

Não são todas as plataformas que precisam de um domínio. No WordPress.org um endereço único para seu site é obrigatório, porém no Blogger você pode criar um blog com o endereço nome-do-seu-blog.blogspot.com. No entanto, caso vá encarar seu blog como um negócio, eu recomendo que você tenha um endereço .com ou .com.br, pois eles parecem mais profissionais e inspiram mais confiança.

No post abaixo você confere um tutorial para instalar o seu domínio próprio no Blogger (no WordPress.org fica dentro da parte de hospedagem): 

COMO INSTALAR UM DOMÍNIO PRÓPRIO NO BLOGGER

3º PASSO: Escolha a SUA HOSPEDAGEm

A hospedagem é onde estarão armazenados todos os arquivos do seu blog.

Um blog é formado por diversos arquivos. Tem a página principal, uma página para cada post, imagens e por aí vai… Quando algum leitor tenta acessar nosso blog, o que ele está tentando fazer na verdade é acessar esses arquivos.

Mas… onde estão esses arquivos? Não podem estar dentro do nosso próprio computador, porque senão cada vez que desligássemos para dormir ou fazer outra coisa, nosso blog sairia do ar. E é para isso que serve a hospedagem. É como se fosse um computador que fica ligado 24 horas por dia, permitindo que os leitores acessem seu blog a qualquer momento.

No Blogger, a própria plataforma se encarrega de hospedar os seus arquivos, assim você não precisa se preocupar com essa parte. Utilizando o WordPress.org, porém, você é responsável pela parte de hospedagem, e precisa escolher alguma empresa para ser responsável pelos arquivos do seu blog.

Entre todas as dicas para criar um blog, escolher uma boa hospedagem é essencial, tanto quanto escolher a plataforma certa. Isso porque ela influencia no tempo de carregamento do seu site, segurança, disponibilidade (uma empresa ruim pode deixar seu site fora do ar por algum tempo, por exemplo) e outros aspectos. 

No geral, eu recomendo duas empresas: Hostgator e Siteground. A primeira é ideal para quem está começando e quer investir pouco, além de ser completamente em português. Já o Siteground é completamente em inglês, mas eu gosto muito pois eles são super rápidos, tem ótimo atendimento e tem um preço com ótimo custo-benefício.

Aqui no Blogueira Inteligente eu falo bastante sobre hospedagem para WordPress, e como escolher a melhor para o seu blog:

4º PASSO: crie seu blog

Independente da plataforma, com poucos cliques você consegue colocar seu blog no ar.

Depois de escolher uma plataforma, comprar seu domínio e contratar sua hospedagem (se necessário), não resta nada além de realmente criar seu blog.

As etapas são diferentes para o WordPress.org e para o Blogger, mas no geral é só seguir as instruções que elas são bem intuitivas. De qualquer jeito, como eu sei que podem existir muitas dúvidas, tem posts com o passo a passo inicial em cada uma das plataformas:

Em ambos os casos, quando terminar a configuração inicial o seu blog vai estar, no mínimo, simples. Agora é a hora de se divertir criando a imagem de cabeçalho, procurando por layouts que sejam a sua cara e explorando plugins ou códigos que possam tornar realidade todas as funcionalidades que você deseja. 

Como essa parte varia de blogueira para blogueira, são inúmeros posts aqui no blog, com dicas de como trocar de tema, como colocar botões para compartilhamento nas redes sociais, melhores plugins, e até mesmo ensinando o básico de programação para que você possa fazer pequenas alterações no seu site. Abaixo estão todos os posts dessa categoria, mas você também pode vê-los divididos por dicas para Blogger e dicas para WordPress.

COMO USAR O PAINEL DO WORDPRESS – GUIA PARA INICIANTES

COMO MUDAR O LAYOUT DO SEU BLOG NO BLOGGER

11 MELHORES TEMAS PARA BLOGS NO WORDPRESS​

7 PLUGINS INDISPENSÁVEIS PARA SEU BLOG NO WORDPRESS

HTML BÁSICO: APRENDA A EDITAR SEU BLOG NO BLOGGER

COMO USAR O PAINEL DO BLOGGER – GUIA COMPLETO