Melhores programas de afiliados para blogs de todos os nichos 2022

Quer monetizar o seu blog? Uma das melhores formas é participar de programas de afiliados. Descubra nesse post quais são os melhores afiliados para blogs de todos os nichos em 2022!

Melhores programas de afiliados para blogs de todos os nichos

Aqui no Blogueira Inteligente, eu tenho uma página inteira dedicada a explicar como você pode ganhar dinheiro com seu blog.

Nessa página, eu expliquei que as duas formais mais fáceis para quem está iniciando é usar anúncios e participar de programas de afiliados.

Uma dúvida comum, no entanto, quando falamos de programas de afiliados, é em quais deles se inscrever. Qual é o melhor para cada nicho, e quais são os melhores produtos para recomendar?

É isso que vou te explicar nesse post. Antes de chegar lá, porém, vamos relembrar alguns conceitos e responder outras dúvidas que você pode ter sobre programas de afiliados.

O que são programas de afiliados

Como você pode lembrar do post de marketing de afiliados, esse tipo de estratégia consiste em você ganhar uma comissão ao indicar produtos ou serviços. Assim, um programa de afiliados nada mais é do que um programa onde você pode se cadastrar e ganhar uma comissão ao recomendar os produtos associados a esse programa. 

Existem diversos tipos de programas, os quais funcionam com modelos diferentes. Na maioria deles, você recebe dinheiro apenas se alguém fizer uma compra ou contratar um serviço através do seu link afiliado. Em outros, você ganha só pelas pessoas clicarem no seu link, sem necessariamente elas precisarem gastar dinheiro.

Existem dois tipos de programas de afiliados, os que são exclusivos de uma única empresa, e as redes de afiliados. 

O que são Redes de Afiliados

Se você entrar no site do Booking.com, você vai notar que ele possui um programa de afiliados. Ao se cadastrar, você vai ver que esse programa é exclusivo do Booking, e só serve para você ganhar comissão indicando propriedades que estão cadastradas na plataforma.

Uma rede de afiliados é diferente, pois ela não possui produtos de apenas uma empresa, e sim de várias. Você faz um cadastro inicial, e depois escolhe a qual das empresas participantes da rede você quer se afiliar. Isso é muito prático, pois assim você lida com apenas um painel, um pagamento único que reúne todas as suas comissões, e tem acesso a mais empresas. 

Não pense, no entanto, que ao ser aceito na rede você automaticamente pode ganhar comissão recomendando os produtos de qualquer uma das empresas participantes. Na maioria das vezes, você ainda precisa solicitar para se afiliar a cada uma das empresas dentro da rede, podendo seu blog ser negado no programa de uma empresa e aprovado no de outra. Cada uma delas tem critérios específicos, que você precisa analisar antes de aplicar. 

Quem pode participar de programas de afiliados?

Os critérios de participação dependem do programa. Alguns deles aceitam qualquer pessoa, desde que elas tenham um site, blog ou app. Outras aceitam aquelas que tem apenas redes sociais, sem ser necessário ter um blog próprio. Também existem aquelas que aceitam apenas quem tem seu próprio endereço na internet e um número mínimo de visitas mensais. O ideal é dar uma olhada nos termos de serviço para ver se você se encaixa.

Além disso, algumas empresas aceitam a participação de pessoas físicas, enquanto outras aceitam apenas pessoas jurídicas. Nesse segundo caso, você vai precisar de um CNPJ para o seu blog para poder participar. 

Quanto eu vou ganhar como afiliada?

Quanto você vai ganhar como afiliada depende de dois fatores: a quantidade de vendas que você fizer, e o valor da comissão dos programas que você participar. 

Não existe um valor mínimo de comissão, e enquanto alguns programas de afiliados te repassam uma porcentagem do valor da venda, outros tem uma comissão fixa. Eu participo de programas que pagam 3% da venda, enquanto outros pagam 65%, então você pode ver que os números variam bastante.

Não tem como prever quanto você vai ganhar, e mesmo em blogs já bem estabelecidos, os valores podem variar de acordo com período do ano, promoções e tendências do mercado.

Melhores programas de afiliados para blogueiras de todos os nichos

Descubra alguns dos melhores programas de afiliados do mercado, como Amazon, Hotmart e mais!

Hoje em dia, existem milhares de programas de afiliados que você pode participar se tiver um blog, além de várias redes. Para facilitar, separei os programas de acordo com seus nichos, mas também indiquei alguns que servem para praticamente qualquer assunto.

A maioria deles não tem um número mínimo de visitas como exigência, mas alguns não aceitam cadastro de pessoa física, por isso recomendo você dar uma olhada nos pré-requisitos antes de se inscrever.

Programas de afiliados para qualquer nicho

Os programas a seguir servem para praticamente qualquer nicho, pois vendem os mais variados produtos físicos digitais de várias áreas.

Programa de Afiliados da Amazon

O programa da própria Amazon, que no Brasil é chamado de Amazon Associados. Ao ingressar no programa, você pode recomendar produtos como livros, eletrônicos, maquiagens, utensílios para casa e muito mais. 

Para participar, basta que seu site tenha conteúdo original e que não tenha nenhum conteúdo julgado impróprio pela empresa, como está bem claro nos termos de uso. 

As comissões são em forma de porcentagem do valor dos itens vendidos, e variam de acordo com a categoria do produto. No momento que estou escrevendo esse post, a categoria de beleza, por exemplo, gera uma comissão de 15%, dispositivos Echo 14%, livros 10% e eletrônicos (com exceção de celulares) 8,5%. Você pode consultar a tabela com todos os valores no site do programa. 

O valor mínimo de pagamento é de R$30, e você pode receber por depósito bancário. As comissões ficam disponíveis em média depois de 60 dias, então normalmente você recebe os valores de abril, por exemplo, no final de maio ou começo de junho. 

Pessoalmente, esse é um dos melhores programas que eu participo, consigo fazer vendas todos os meses, mesmo tendo um blog de viagem no meio de uma pandemia.

Programa de afiliados da Hotmart

A Hotmart é uma das plataformas de produtos digitais mais populares do mercado. Nela, é possível vender ebooks, cursos e até mesmo programas de assinaturas de todos os nichos.

Diferente da Amazon onde você se afilia a plataforma e pode divulgar todos os produtos da loja, na Hotmart você precisa requisitar afiliação a cada produto que quiser vender. Isso porque nem todos cursos e ebooks disponibilizam essa modalidade de indicações, além de cada um deles oferecer um valor de comissão diferente, definido pelo próprio produtor. Também são esses produtores que definem quem pode se afiliar ao seus produtos.

O valor mínimo de saque é de R$20, e pessoas físicas tem limite de saque mensal de R$1900. 

É uma ótima opção para nichos que não possuem produtos físicos relacionados, ou que se baseiam em ensinar alguma coisa ao leitor.

Redes de Afiliados

Lomadee

Os mais de 400 mil afiliados cadastrados mostram que a Lomadee é opção certa na hora de escolher uma rede de afiliados. Se isso não basta para te convencer, dá uma olhada em alguns dos anunciantes que integram a plataforma: Americanas, Casas Bahia, Ponto Frio, Submarino, Foreo, Abril, Decathlon, Xiaomi e até mesmo a Vivo. São inúmeras opções para todos os nichos. 

Para se cadastrar, você só precisa ter mais do que 18 anos, e pode ser tanto pessoa física quanto jurídica. Para divulgar os links, basta escolher um canal de divulgação, que pode ser seu blog, ou também redes sociais e até mesmo emails.

A comissão depende de qual anunciante você está divulgando, assim como as regras de divulgação. O pagamento mínimo é de R$100 para pessoas físicas e de R$50 para pessoas jurídicas, e ele é feito através do deposito bancário.

Awin

A Awin é uma das maiores redes de afiliados do Brasil. Grandes nomes do mercado participam da plataforma, como Amaro, Kabum, Renner, Droga Raia, Decathlon, Sephora, Fastshop e muito mais.

Aqui funciona da maneira que eu já te expliquei: você se cadastra na rede, e o time da própria Awin vai verificar seu cadastro. Para ser aprovado, você precisa ter mais de 18 anos e uma presença na web, que não necessariamente precisa ser um blog, mas também pode ser alguma rede social como Instagram ou YouTube.

Depois de aceito seu cadastro, você precisa se candidatar ao programa de afiliados de cada uma das empresas que estiver interessada. Cada uma delas tem suas próprias regras e critérios de seleção de afiliados. Se for aceita, dentro do painel da própria Awin você conseguirá gerar links para os produtos, e até mesmo ter acesso a banners e outros materiais de divulgação. A porcentagem de comissão que você vai ganhar também é definida por cada anunciante.

Você pode se cadastrar tanto como pessoa física quanto jurídica, e o pagamento mínimo é de R$100, US$30 ou €25. Atualmente, você precisa fazer um deposito simbólico para se juntar a plataforma, porém esse valor é devolvido no seu primeiro pagamento.

Programas de afiliados de Marketing Digital

Quem tem um blog sobre marketing digital tem inúmeras opções de afiliação, especialmente por esse nicho usar diversas ferramentas. Alguns dos melhores são:

Hostinger

A hospedagem é um dos campeões de vendas dos blogs de marketing digital. Todo mundo que está começando um site ou blog precisa de uma hospedagem, e essa é normalmente a primeira ferramenta em que alguém que está começando na área vai investir.

Existem inúmeras opções no mercado atualmente, mas a minha sugestão é a Hostinger, empresa que eu uso aqui no Blogueira Inteligente e sou afiliada. Os planos tem um ótimo custo-benefício, além de existirem aqueles que são feitos especialmente para WordPress, onde você pode até mesmo ganhar SSL e domínio grátis (por um ano). Além disso, a empresa ainda oferece suporte 24 horas, com atendimento em português – e posso falar por experiência que eles são muito prestativos. 

Qualquer pessoa com blog ou canal no YouTube relacionado a tecnologia ou empreendedorismo digital pode participar do programa, e a comissão é de 60% para cada hospedagem vendida (planos mensais não incluídos). O pagamento mínimo é de R$100 e é feito através do Paypal.

ActiveCampaign

Se você quer indicar uma ferramenta de email marketing excelente por um bom preço, eu recomendo que você indique a ActiveCampaign. Não só a plataforma é muito fácil de usar, mas ela também tem diversas funcionalidades já disponíveis no plano mais básico. Com ele você pode criar automações, enviar iscas digitais, newsletters, criar infinitos formulários e muito mais. Tudo o que você precisa para uma estratégia de email marketing de sucesso.

Além disso, a plataforma está totalmente traduzida para português e tem suporte nesse idioma, uma grande vantagem em relação aos concorrentes. 

A comissão é inicialmente de 20%, podendo chegar até 30% dependendo da quantidade de indicações que você fizer. Ao indicar um cliente, você ganha comissão por ele todo mês enquanto ele continuar na plataforma, o que é raro de encontrar em outros programas.

Hotmart, Eduzz e Udemy

Além de ferramentas, o nicho de marketing digital também oferece inúmeros produtos digitais como ebooks e cursos. Sendo assim, vale a pena se afiliar a plataformas como a Hotmart, que discutimos mais acima, Eduzz, muito parecida com a Hotmart, e Udemy, que é mais focada em cursos e não oferece infoprodutos como ebooks.

No caso da Eduzz, qualquer pessoa – tanto física ou jurídica – pode se cadastrar como afiliada, e aí é necessário ser aprovado pelo produtor de cada produto que você quer divulgar. O pagamento mínimo é de R$100 e é feito por deposito bancário.

Já a Udemy tem algumas regras a mais para quem quiser se cadastrar, é preciso ter um blog com pelo menos mil visitas mensais nos últimos três meses. A comissão base é de 15%, mas pode aumentar de acordo com o número de vendas que você faz, e o pagamento é feito por Paypal.

Programas de afiliados de Maquiagem

Os sites das marcas de maquiagem brasileiras em geral não costumam ter programas de afiliados ou participar de redes. Nesse caso, eu sugiro que você se inscreva em programas de lojas de cosméticos, como Sephora, Época Cosméticos ou até mesmo Renner, que tem uma ótima seção de perfumaria.

Todas as empresas que citei estão presentes na plataforma da Awin, sendo que as comissões são de em média 5% na Sephora, 5,7% na Época Cosméticos e 6% na Renner. Infelizmente para quem está começando, todas essas empresas só aceitam afiliados de pessoas jurídicas.

Algumas marcas que você pode encontrar por lá também são Avon, oBoticario e Natura, com comissões de 8%, 10% e 8% respectivamente. De novo, nenhuma delas aceita afiliação de pessoas físicas.

Programas de afiliados de Livros

Novamente, aqui os melhores programas já foram citados antes. Quem tem um blog de livros pode se cadastrar como afiliado da maior loja de varejo do mundo, e aproveitar para divulgar as promoções e preços da Amazon.com.br. As comissões para esse tipo de produto são de 10%, e você ainda pode divulgar produtos como o Kindle e ebooks.

Caso não queira se afiliar a Amazon, você pode novamente recorrer a redes de afiliados para se conectar com empresas como Submarino, Americanas e até mesmo a Livraria da Travessa. Nesses três casos, você deve usar a Lomadee, e as comissões das duas primeiras são de até 4%, enquanto na última você pode ganhar até 8,3%.

Programas de afiliados de viagem

As grandes empresas de viagem, como Decolar e CVC, não possuem programas de afiliados no momento. Sendo assim, o ideal é que você se afilie a cada serviço que o leitor possa precisar em uma viagem, como hospedagem, passagens aéreas, seguro, etc. Aqui estão os melhores programas nessas áreas:

Parceiros Promo

Apesar de ser uma única empresa, a Parceiros Promo oferece a possibilidade de você divulgar ganhar dinheiro divulgando diversos serviços para viagem, como seguro (Seguros Promo), passagens (Passagens Promo), chip de viagem (Viaje Conectado), aluguel de malas (Get Malas), hospedagem (El Quarto) e expedições de turismo sustentáveis (Vivalá).

O valor da comissão varia de acordo com o tipo de serviço, podendo variar entre 22% para seguros e até mesmo 35% para passagens aéreas! O pagamento é feito através de deposito bancário, e é referente a cada um dos serviços, não é um pagamento único, e podem participar tanto pessoas físicas quanto jurídicas.

Esse é um dos meus afiliados favoritos no meu blog de viagem, pois vende muito bem e eles fazem promoções frequentes, o que incentiva os leitores a comprarem mais.

Booking.com

O Booking.com, dos maiores sites de hospedagem do mundo possui um programa de afiliados próprio, que permite que você divulgue mais de 2 de milhões de hotéis, apartamentos e hostels em troca de uma comissão.

A base inicial da comissão é de 25%, porém ela não é sobre o valor da reserva, e sim sobre a comissão do Booking. Caso você tenha um número alto de reservas por mês, essa porcentagem pode aumentar. Além disso, a “venda” só é confirmada depois que a pessoa faz o check-out da acomodação, devido a grande política de cancelamento do site. 

 O pagamento é feito através de Paypal e em euros.

Get Your Guide

A Get Your Guide é uma empresa que oferece passeios e tickets para atrações turísticas. Ao se afiliar, você pode recomendar os mais de 60000 tours e atividades disponíveis no site e ganhar uma comissão cada vez que alguém faz uma reserva. Estão disponíveis passeios em diversos países, incluindo os mais comuns como Estados Unidos, França, Portugal e, claro, Brasil.

A porcentagem de comissão é de 8% e o pagamento é feito a partir de US$50.

Hurb

Caso queira se afiliar a uma empresa de pacotes de viagem, eu recomendo participar do Clube Hurb, programa de afiliados do Hurb. A empresa oferece diversos pacotes a preços super competitivos, e tem outras vantagens como parcelamento em até 12x e atendimento personalizado.

Pode participar tanto pessoa jurídica quanto física, desde que essa tenha 18 anos ou mais. As comissões são de 6,5% da venda, e o valor mínimo de pagamento é de R$100.

Programas de afiliados de esportes e saúde

Aqui, novamente, a sugestão é participar das redes de afiliados, onde estão a maior parte das empresas desse nicho. 

Na Awin você encontra a Decathlon e a Centauro, com comissões de 4% e 8% respectivamente, com programas que aceitam cadastro de pessoa física. Por lá também estão marcas como New Balance, Olympikus e e Under Armor, com 5,6%, 7,1% e 4%.

Já na Lomadee você encontra marcas como Nike e Columbia, com até 11% de comissão.

Netshoes

Apesar de também participar de algumas redes de afiliados, a Netshoes também possui um programa de afiliados próprios, que pode ser uma opção caso você não seja aceito nos programas dentro das redes, ou caso eles estejam pausados. 

A comissão pode chegar em até 16%. 

Programas de afiliados de eletrônicos

Aqui vale a pena se afiliar às maiores lojas de varejo, como Amazon, Submarino, Americanas e Kabum. No caso da primeira, você deve se inscrever no programa de associados da Amazon Brasil. Submarino e Americanas estão disponíveis na Lomadee, enquanto a Kabum participa da rede da Awin. 

Na Amazon a comissão é de 8,5% para esse tipo de produto (com exceção de celulares), enquanto na Submarino e Americana fica em torno de 4%, enquanto na Kabum você vai ganhar ao redor de 2,3% por venda. 

Programas de afiliados internacionais

Dependendo do seu nicho e público, pode ser uma boa ideia se inscrever em programas de afiliados internacionais. O mais comum é utilizá-los para recomendar ferramentas estrangeiras, mas você também pode criar uma estratégia ao redor de produtos físicos. 

Alguns dos melhores são:

Amazon.com

Se seu público está nos Estados Unidos ou visita o país com frequência, grandes são as chances de que eles queiram fazer compras por lá. Nesse caso, vale a pena você indicar produtos que são vendidos na Amazon.com, já que a gigante do e-commerce vende praticamente qualquer produto, e com preços bem competitivos.

As regras para ingressar no programa são as mesmas do programa brasileiro, porém a comissão tem um valor bem diferente, com produtos de beleza rendendo apenas 3%, computadores e partes 2.5% e livros 4.5%.

O pagamento para o Brasil, infelizmente, ainda é feito através de cheques.

Share a Sale

A Share a Sale é uma rede de afiliados muito recomendada para quem quer oferecer ferramentas e outros produtos digitais. Além disso, a rede ainda tem parcerias com lojas como Shein, Yes Style, Namecheap, Glow Recipe, WP Engine, SEMRush, OptinMonster e muito mais.

Como em outras redes, depois da sua conta ser aprovada na plataforma você também vai precisar se inscrever para se afiliar a cada uma das empresas parceiras, sendo que cada uma delas define seu critério de seleção e comissão.

Como ganhar dinheiro como afiliada?

Descubra como ganhar dinheiro com esses melhores programas de afiliados!

Agora que você já conhece os principais programas de afiliados, pode estar se perguntando como você pode realmente ganhar dinheiro com essa estratégia de monetização.

Como a maioria das formas de ganhar dinheiro na internet, existem muitos mitos relacionados ao marketing de afiliados. Um dos maiores é que é algo fácil, e que basta você criar um conteúdo ou outro sobre o produto que está indicando que as vendas acontecerão meio que por mágica.

A verdade é que para ganhar dinheiro com afiliados no seu blog, você vai precisar de uma estratégia criada ao redor dos produtos que vai recomendar. Eu recomendo que você faça o seguinte:

1. Escolha qual (ou quais) produtos você vai recomendar

O ideal é que você escolha aqueles que sejam relacionados ao seu nicho, e que vão resolver os problemas da sua audiência. Aqui no Blogueira Inteligente, por exemplo, as minhas leitoras têm dificuldade em começar o blog, na parte de criação. Por isso, eu sou afiliada a Hostinger nessa parte de hospedagem, que é uma empresa com um painel super intuitivo e que facilita muito para quem está começando nessa área e quer criar seu próprio blog.

Descubra quais são os principais problemas e dúvidas da sua audiência (você pode fazer isso usando o método de pesquisa de palavras-chave que eu ensinei nesse post), e procure por produtos de qualidade que vão ajudar seus leitores.

Recomendo também que você escolha um único produto para resolver cada problema, não dê várias opções que façam a mesma coisa. Quando isso acontece, o leitor fica sem saber qual é o melhor, e acaba não realizando a compra. 

2. Crie o seu conteúdo de afiliada

Não basta você escrever um post “produto X é confiável?” ou “produto Y vale a pena?” e achar que assim vai fazer milhões de vendas. Esse tipo de conteúdo até converte bem, porém apenas com pessoas que já ouviram falar desse produto e que sabem que ele é uma solução para um problema que elas têm. 

Para ter vendas, você deve criar conteúdo que contemple todas as fases que sua audiência vai passar até resolver comprar um produto ou contratar um serviço. É o que é muito conhecido como funil da criação de conteúdo.

No topo do funil estão aqueles leitores que ainda nem sabem que tem um problema, e que estão fazendo uma pesquisa inicial sobre um determinado nicho. Assim, se você tem um blog de maquiagem, pode criar um post sobre uma nova tendência do momento, que são as sombras coloridas. Uma leitora sua pode gostar da ideia, e perceber então que ela não possui nenhuma sombra colorida. 

No meio do funil estão aquelas pessoas que já descobriram que tem um problema, e estão procurando por soluções para resolvê-lo. No caso da sua leitora, ela percebeu que não tem sombras coloridas (problema), então agora ela passou para o meio do funil, e vai pesquisar por algo similar a “melhores paletas de sombras coloridas“. Uma ótima ideia de post, onde você já pode colocar links afiliados para as opções que você vai mostrar nessa lista.

No fundo do funil estão os leitores que já sabem qual a solução, e estão procurando por reviews e validação de que esse produto realmente funciona. Aqui entram aqueles posts que citei no começo como “produto X vale a pena?“, eles são ótimos e voltados para pessoas que têm intenção de fazer uma compra, então convertem super bem. Porém eles não serão lidos se a pessoa nem souber que tem um problema que pode ser resolvido com esse produto. No nosso exemplo, você poderia criar um post fazendo uma resenha da principal paleta de sombras citada no seu outro post, incluindo um link afiliado para que a leitora possa comprá-la.

Criando conteúdo para esses três níveis do funil, você vai conseguir alcançar sua audiência em todas as fases até a compra do produto, aumentando as chances de que ela compre através do seu link.

3. Divulgue

Ao criar seu conteúdo, é importante que você aplique as técnicas de SEO para que ele tenha chances de aparecer nos primeiros resultados das pesquisas. Aqui no blog tem um post completo explicando sobre SEO. Esse tipo de divulgação, se é que se pode chamar assim, é mais passivo, pois consiste em você fazer otimizações e esperar que o resultado traga mais acessos ao seu post. 

Porém você também pode ativamente divulgar seus posts em alguns locais. A minha recomendação é que você utilize o Pinterest, uma ótima rede para trazer tráfego para o seu blog, e que eu já mostrei como usar para esse propósito nesse post. Crie em torno de 3 pins para cada post, incluindo um pin de vídeo, e compartilhe-os em horários diferentes.

Também sugiro que você faça a divulgação para a sua lista de emails, que é composta por pessoas que já acompanham seu conteúdo, e que estão mais inclinadas a seguir as suas recomendações. Se criar posts para os três níveis do funil, você pode fazer uma sequência com três emails, cada um deles focado em um dos posts que você acabou de criar.

Importante: Alguns programas de afiliados não permitem a divulgação de links afiliados por email. Por isso, verifique as regras antes de divulgar seus links dessa forma – nesses casos, redirecione as pessoas para os seus posts, onde estarão os links afiliados.

Escolhi meus programas de afiliada, e agora?

Se você já sabe quais produtos ou serviços vai recomendar, é hora de começar a escrever conteúdo ao redor desse tópico. Veja quais são os problemas que esses produtos resolvem, e escreva guias, tutoriais e posts informativos para a sua audiência.

Não sabe como criar conteúdo? Comece pela pesquisa de palavras-chave:

PESQUISA DE PALAVRAS CHAVE: O QUE É, COMO FAZER E MELHORES FERRAMENTAS


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.